NAVE

logo-narrativas

A escola por dentro dos meios

Núcleo Avançado em Educação

O programa Nave é um tripé constituído por uma Escola pública de Ensino Médio profissionalizante, um núcleo de pesquisa docente e um centro de disseminação para as redes públicas de ensino de suas práticas das inovações. O planetapontocom participa de sua concepção, a convite do Oi Futuro, desde a implementação do primeiro NAVE, em Recife.

O cenário atual

Num mundo em que as informações e estímulos nos chegam em ritmo vertiginoso, através das mais variadas formas e linguagens, sem hora ou lugar marcado, é fundamental aprender a filtrar e interpretar criticamente a informação. Assim se torna possível resolver problemas cotidianos pensando, questionando, expressando-se através de diversos meios e linguagens. Num país como o Brasil, de dimensões geográficas e culturais tão abrangentes, crescer com autonomia é um desafio e uma questão de sobrevivência. A inserção social, o acesso à informação e o diálogo com o outro tornam-se fundamentais para a conquista da cidadania em todos os seus aspectos.

O papel da escola

Neste cenário, a escola destaca-se como ambiente de construção de valores e conhecimentos. Nele, podem ser discutidos e trabalhados os modos de apropriação de informações desenvolvidos por cada sujeito em sua interação com as mensagens recebidas dos meios em que vive. Também devem ser elaborados e desenvolvidos os recursos de linguagem necessários para que ele possa expressar para o mundo suas idéias, opiniões, desejos… Cada vez mais, o direito à expressão depende não só da apropriação técnica dos diferentes meios de comunicação, mas também do acesso aos códigos de linguagem próprios de cada um deles.

 

O professor

É importante que o professor, que é o profissional de educação que se encontra mais próximo dos alunos, compreenda melhor as mídias, suas linguagens e fundamentos técnicos. Só ao entender a complexidade desses novos mediadores na utilização pedagógica eles poderão capacitar-se para melhor gerir projetos midiaeducativos. É preciso dar aos professores elementos que os auxiliem a elaborar e introduzir inovações curriculares, passando a pensar em termos de habilidades e competências comunicativas a serem trabalhadas com os seus alunos. Também se faz o importante, criar a consciência do professor como catalisador de um processo de mudança cultural interno.

 

NAVE Recife

A Escola Técnica Estadual Cícero Dias, localizada em Boa Viagem na cidade do Recife, foi criada pelo Oi Futuro, em parceria com a Secretaria de Estado de Educação de Pernambuco para compor o NAVE. Inaugurada em março de 2006, a escola hoje conta com mais de 515 educandos. Em 2009, a escola passou a adotar o modelo de Ensino Médio integrado, oferecendo os cursos de Programação de Jogos e Arte para Jogos. Desde 2007, a escola foi pioneira no Brasil em oferecer, o curso técnico de Programação de Jogos para o Ensino Médio. O ambiente da Cícero Dias conta com estúdio de produção para midiaeducação, laboratórios de informática e auditório. Em 2013 entrou para o seleto grupo de Escola Mentora da Microsoft ao ser reconhecida como uma das escolas mas inovadoras do mundo.
Facebook: www.facebook.com/ETECiceroDias/

 

NAVE Rio

O Colégio Estadual José Leite Lopes foi criado pela Secretaria de Estado da Educação do Rio de Janeiro para compor o Núcleo Avançado em Educação, em maio de 2008. Em uma área de quatro mil metros quadrados do prédio da estação telefônica da Oi, na Tijuca, totalmente remodelado para abrigar o Nave, 400 jovens estudantes de nível médio mergulham no mundo da cultura contemporânea, ao participar dos cursos de Narrativas para Mídias Digitais, de Multimídia e de Programação de Jogos. O ambiente da escola conta com um estúdio de produção de mídia-educação, laboratórios de informática, auditório, área de exposição e convivência e refeitório.
Facebook: www.facebook.com/navecejll

 

Departamento de Midiaeducação

O planetapontocom implantou no NAVE Rio e no NAVE Recife o Departamento de Midiaeducação – MDE – de modo a identificar nos processos comunicativos, em suas linguagens e suportes, uma oportunidade estratégica de aproximação entre as Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) e o contexto escolar. Adotou-se o desafio de tornar atrativo e carregado de sentidos os conteúdos e conhecimentos teóricos necessários ao pleno desenvolvimento das competências e habilidades previstas no sistema escolar brasileiro.

As instalações do MDE são compostas por 3 unidades de aprendizagem e produção:
– Estúdio de vídeo – captação
– Estúdio de áudio – captação
– Ilha de edição (foto e vídeo)

A infraestrutura disponível no Departamento de Midiaeducação permite que estudantes dos cursos técnicos existentes no NAVE Rio de Janeiro e Pernambuco aprendam a criar e desenvolver produtos inovadores.

Saiba mais sobre as atividades desenvolvidas clicando aqui.

 

planetapontocom e NAVE

Roteiro para mídias digitais

Os últimos anos foram marcados por grandes avanços científicos, tecnológicos e sociais. Nesse cenário de transformações cada vez mais aceleradas, a antiga relação aluno-escola também foi afetada. Com isso, a exigência de uma nova proposta educacional, capaz de atingir e preparar alunos e escolas para essa nova realidade se fez necessária. Essa é a razão de ser do Curso Técnico em Roteiro para mídias digitais.

O objetivo é formar, no Ensino Médio, um profissional técnico para atuar como, desenvolvedor de narrativas e projetos de produção e conteúdo em diferentes mídias digitais, com perspectiva de interatividade e convergência de mídias e linguagens, em um mercado em franca expansão nas áreas de Comunicação e Tecnologia. O curso oferecido possui uma interface direta com as disciplinas do núcleo comum do ensino médio, possibilitando um trabalho totalmente integrado e dinâmico.

Oferecido durante os 3 anos do ensino médio, o curso qualifica seus estudantes nos domínios do mundo digital, aumentando o entendimento sobre o papel da tecnologia na sociedade contemporânea, além de incentivar e desenvolver os talentos nestas áreas.

Bases teóricas
Teorias da Comunicação; Midiaeducação; Cibercultura.

Bases metodológicas
Midiaedução; Educação Interdimensional; Diálogo sistêmico.

Público-alvo
Estudantes do Ensino Médio e do segundo segmento do Ensino Fundamental.

Perfil de saída
O egresso deste curso estará apto a:
• Pesquisar, interpretar e selecionar informações visuais, sonoras, textuais e audiovisuais;
• Criar narrativas/roteiros originais,
• Produzir narrativas/roteiros a partir da obra de outros autores
• Planejar projetos de conteúdo para mídias digitais.
• Atuar na gestão de produção de conteúdos digitais.
• Atuar como assistente de direção.
• Atuar como assistente de produção

Aplicação do Curso
O curso de Roteiro para mídias digitais pode ser oferecido a qualquer instituição que tenha interesse nesta formação específica. O planetapontocom oferece todo o suporte necessário à implementação, desde a capacitação de gestores e equipe pedagógica da escola até a formação da equipe técnica específica.

 

NAVE – modelo tecnológico de ensino

 

Colégio Estadual do Rio de Janeiro aposta na tecnologia

Uma escola do outro mundo